sexta-feira, 26 de novembro de 2010

DEATH BELL 2: BLOODY CAMP

Nome: Death Bell 2: Bloody Camp

Diretor:  Yoo Seon-dong
Roteiro: Lee Gong-joo, Lee Jeong-hwa, Park Hye-min
Elenco: Kim Soo-ro, Hwang Jeong-eum, Yoon Si-yoon
Ano: 2010 
Duração: 90 minutos
Idioma: Coreano  
País: Coréia do Sul
Gênero: Terror
Sinopse:
Os 30 melhores alunos do colégio são escolhidos para terem aulas avançadas durante as férias de verão, mas começam a ver espíritos na piscina e alunos começam a desaparecer...







Trailer:




Antes de mais nada, esse filme não tem qualquer tipo de ligação com o primeiro Death Bell. Ok?


Quanto ao filme...


Oi?

Aconteceu um filme de terror?

Em que gênero podemos classificar essa coisa? Curador de insônia/perca noventa minutos de sua vida/pegadinha do mallandro?

A premissa é basicona e igual a do primeiro. Juntam os trinta melhores alunos da escola e "castigam" eles com aulas avançadas no verão(viva o Brasil, que com fim das aulas não nos obrigam a ficar mais inteligentes).

No primeiro dia, dois já vão para vala. Aí tu pensa "OPA, vai ter sangueira e morte a pampa, no melhor estilo Jogos Mortais".


NÃO!

Tem trinta TRINTA 30 T-R-I-N-T-A alunos e uns dois professores para serem mortos das mais variadas maneiras e sanguinolentas, mas não, eles enrolam e enrolam, prometem uma mortezinha, enrolam mais um pouquinho, tacam um flashback para ver se alguém se importa com os personagens, mais uma enroladinha. 
Tanta encheção de linguiça para um filme supostamente de terror de 90 minutos não pode ser um bom sinal. 
Tantos alunos figurantes entre esses trinta, se uns dez deles tem nome é muito, para serem descartados com mortes...  E o que acontece? Nada. Se ocorreram mais de meia dúzia de mortes é muito. E to falando sério.
Resolveram fazer draminha no lugar de terror ou suspense. E se fosse uma história boa ainda...


Me salve desse filme



Aliás, que porra de final foi aquele? 

Uma pitada de spoiler agora:

A professora, sem motivo algum, mostra o carão na câmera e em seguida sai andando faceira da vida pelo corredor da escola. O que diabos ela esperava com isso? Que todo mundo ia bater palma?

E a cena da piscina? Uma boa e legitima chave de ouro para encerrar. "Sensacional".

Que vergonha meu deus, que vergonha.


Ninguém vai fazer nada e ninguém vai morrer.

3 comentários:

  1. hahahahaha
    Detestei o primeiro Death Bell.
    Nem sabia que teve uma "continuação".
    Gostei do blog, vou acompanhá-lo.
    Ri das legendas nas fotos.

    ResponderExcluir
  2. O primeiro é uma obra de arte se for comparado com essa coisa.

    ResponderExcluir
  3. O terror asiático, ao contrário do americano, é inteligente, então, não dá pra se assistir a um filme coreano esperando uma baboseira do tipo "Jogos Mortais".
    Eu gosto do terror oriental justamente pelo fato de explorar mais o lado dramático da história e pela construção mais complexa da narrativa.
    É claro que a ásia também produz muito lixo, e como eu ainda não assisti esse "Death Bell 2", não estou aqui para defendê-lo. Só acho que deve se separa o que realmente é defeito do que é estilo de um determinado país (a Coréia do Sul é famosa por mesclar o terror com muito drama, o que é visto por muitos críticos de cinema coreano como "vergonha do gênero").

    ResponderExcluir